Publicidade

Publicidade

Arquivo da Categoria atletismo

16/08/2009 - 17:05

BOLT!

Compartilhe: Twitter

Largada, aceleração, manutenção de velocidade, estabilidade e finalização. Parece simples, apenas corrida. É natural, qualquer criança corre. Mas é difícil explicar como um homem cruza 100 metros, mais ou menos um campo de futebol, em menos de dez segundos.

Mais incrível ainda é ver um garoto de 22 anos entrar para a história ao conseguir, em aproximadamente um ano e meio, três recordes mundiais e os títulos olímpico e mundial na prova mais rápida do atletismo.

Com quase dois metros de altura, Usain Bolt não tem o tipo físico dos corredores que dominaram os 100m nas últimas décadas, mas consegue ser muito rápido (muito mesmo!) ao sair do bloco de partida e erguer o corpo. A partir daí, com as passadas largas e o ritmo que tem, o jamaicano é imbatível.

O mais impressionante é que ele corre tão fácil que já estamos esperando pelos 9s40, 9s30… quem sabe 9s20…

Os nove segundos e 58 centésimos deste domingo já não parecem ser o limite. Viva Bolt!

Autor: - Categoria(s): atletismo Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
04/08/2009 - 17:44

DIRIGENTE VÊ DOPING COMO DESASTRE PARA O BRASIL NO MUNDIAL DE ATLETISMO

Compartilhe: Twitter

Entristecido, o presidente da Confederação Brasileira de Atletismo, Roberto Gesta de Melo, falou à Rádio Bandeirantes sobre os resultados positivos de exames antidoping de cinco atletas que representariam o país no Campeonato Mundial de Atletismo, que começa dia 15, em Berlim, na Alemanha. “É um momento muito triste para o atletismo nacional. Vamos apurar os fatos e tomar todas as providências para verificar a origem. É a primeira vez que ocorre um caso coletivo e temos que dar sequência a essa investigação.”

OUÇA: Presidente da CBAt fala dos cinco casos de doping antes do Mundial

O dirigente não acredita na possibilidade de Bruno Tenório (4x100m e 200m), Jorge Célio Sena (4x100m e 200m), Josiane Tito (4x400m), Luciana França (400m com barreiras) e Lucimara Silvestre (heptatlo) disputarem a competição. “Eles estão praticamente fora do Mundial. A hipótese de a contraprova apresentar um resultado diferente é muito remota. Os exames foram feitos em especial para EPO (Eritropoietina). Os atletas foram avisados ontem (03/08), têm sete dias para preparar a defesa e estão preventivamente suspensos.”

Gesta dá a dimensão do estrago da notícia para a equipe brasileira que vai disputar o Mundial. “Eu diria que é um desastre de grandes proporções por atingir não apenas esportistas importantes e colocar o revezamento 4x100m masculino em dificuldade muito grande, mas também abala de algum modo a equipe como um todo. No entanto, vamos tratar como um problema localizado. Temos que respeitar as pessoas e apurar os fatos com cuidado para verificar se realmente houve a intenção dos atletas. Se bem que, segundo as normas internacionais, a simples a presença das substâncias proibidas já implica na pena.”

Autor: - Categoria(s): atletismo Tags: , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo