Publicidade

Publicidade

Arquivo da Categoria Futebol europeu

01/11/2009 - 19:06

O MELHOR DO MUNDO EM OUTUBRO

Compartilhe: Twitter

O grande destaque do mês de novembro não apareceu na lista divulgada esta semana pela Fifa, que indicou os 23 jogadores que vão disputar o prêmio de melhor do mundo em 2009.

Ele também ainda não brilhou nos gramados dos principais palcos do futebol mundial. Aos 19 anos, o jovem Dominic Adiyiah se prepara para deixar o Fredrikstad, da Noruega, para vestir a camisa do gigante Milan, da Itália.

Com oito gols marcados, o artilheiro foi o melhor jogador da seleção de Gana e do Mundial Sub-20 conquistado pelos africanos, no Egito. Tudo indica que o futuro vá colocá-lo em muitas das relações de principais jogadores do planeta.

Também foram muito bem nos últimos 30 dias o espanhol Fabregas, do Arsenal e o marfinense Drogba, do Chelsea. Em franca recuperação no Milan, Ronaldinho Gaúcho também merece destaque nas quatro semanas que passaram.

E mesmo sem jogar, Cristiano Ronaldo mostrou a sua importância em novembro. Sem o craque português, o Real Madrid despencou com derrotas para o Milan, pela Liga dos Campeões, e para o modesto Alcorcón, pela Copa do Rei.

Autor: - Categoria(s): Futebol europeu Tags: , , , , , , , , , , , ,
19/10/2009 - 13:20

DEU GOSTO DE VER

Compartilhe: Twitter

Impedido de trabalhar em Interlagos ontem por um problema de saúde, pude acompanhar duas partidas quase completas na tarde deste domingo, uma pelo Brasileirão e outra pelo Campeonato Italiano. E como foi bom ver dois craques em ação.

Além de comandar o Flamengo na vitória sobre o líder Palmeiras ´por 2×0 no Palestra Itália, o sérvio Petkovic deu show aos 37 anos com um gol que só craque pode fazer. Pet não armou a perna direita para finalizar e, por isso, não deu chances à defesa palmeirense e ao goleiro Marcos. Um toque inesperado. Imprevisível.

O outro craque que colocou o jogo no bolso foi Ronaldinho Gaúcho, autor de um gol e de um passe na vitória do Milan sobre a Roma por 2×1 pelo Italiano. O craque estava ligadíssimo na partida e, apesar de não ter mais a força para arrancadas, fez lançamentos brilhantes e ditou o ritmo do ataque do Milan.

Dispenso os times “competitivos”, que só brigam para ganhar por um gol de diferença, de preferência por 1×0. Prefiro ver craques.

Autor: - Categoria(s): Brasileirão, Futebol europeu, Seleção Tags:
01/10/2009 - 15:48

OS MELHORES DO MUNDO… ATÉ SETEMBRO

Compartilhe: Twitter

Faltam menos de três meses para acabar o ano de 2009 e já dá para ter uma boa ideia de quem vai brigar pelo título de melhor da temporada e quem está próximo de vencer.

Depois de escolher os principais jogadores de setembro, decidi reunir aqui os vencedores dos meses anteriores para dimensionar como está a disputa até agora.

Messi lidera como o melhor em janeiro, fevereiro e maio. Foi o craque do título europeu do Barcelona em uma temporada que ainda teve títulos da Liga Espanhol e da Copa do Rei. É o favorito, mas não foi bem com a seleção argentina e corre risco de ficar fora da Copa do Mundo.

JANEIRO – Messi
FEVEREIRO – Messi
MARÇO – Gerrard
ABRIL – Iniesta, Cech, Raul, Cristiano Ronaldo, Arshavin, Grafite, Ronaldo
MAIO – Messi
JUNHO – Luis Fabiano
JULHO – Verón
AGOSTO – Diego
SETEMBRO – Kaká, Xavi

Autor: - Categoria(s): Brasileirão, Copa 2010, Futebol europeu, Libertadores, Seleção Tags: , , , , , , , , , , , , ,
30/09/2009 - 15:48

O MELHOR DO MUNDO EM SETEMBRO

Compartilhe: Twitter

O mês de setembro teve jogos decisivos das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010 e eles tiveram peso importante na análise dos melhores jogadores do planeta nesse período.

E foi exatamente por isso que Messi não faturou mais um mês. Considerando apenas o Barcelona, considero que ninguém jogou mais que o argentino. No entanto, o baixinho não fez diferença nos duelos contra Brasil e Paraguai que deixaram a Argentina com a classificação ameaçada para a Copa de 2010.

Bom desempenho tanto nos clubes como nas seleções premiaram os regulares Kaká, craque brasileiro do Real Madrid, e Xavi, craque espanhol do Barcelona. Os dois estarão no Mundial da África do Sul, no ano que vem, e têm tudo para brilhar ao longo da temporada nos seus poderosos clubes.

Mesmo mais distante do gol e dividindo holofotes no Real Madrid com Cristiano Ronaldo, que tem marcado mais gols, Kaká assumiu o papel de liderança e tem armado com talento e inteligência as jogadas ofensivas da equipe espanhola como faz na seleção.

Xavi alia grande capacidade física com categoria para fazer deslocamentos e passes precisos, oferecendo muita qualidade ao meio na Espanha e na seleção espanhola.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Futebol europeu Tags: , , , , , , , , , , , ,
16/09/2009 - 23:24

OS FAVORITOS DE FELIPÃO

Compartilhe: Twitter

Conversei hoje com o técnico Luis Felipe Scolari, em entrevista que vai ao ar neste sábado no programa Esporte Notícia Internacional, que começa às 14h na Rádio Bandeirantes.

Perto de conquistar a liga do Uzbequistão com o Bunyodkor, o treinador analisou as forças na Liga dos Campeões da Europa e os grandes candidatos à taça na Copa do Mundo do ano que vem, na África do Sul.

Na Champions, Felipão acha que vai dar Espanha, Real Madrid ou Barcelona, e garante que Cristiano Ronaldo pode ser um jogador tão bom de grupo quanto Kaká.

Para o Mundial de 2010, Scolari elogia o trabalho de Dunga à frente da seleção, aposta no crescimento da Itália e vê como favoritas as seleções da Espanha, confiante depois do título europeu, e da Inglaterra, com bons jogadores e o excelente trabalho de Fabio Capello.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Futebol europeu Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,
30/08/2009 - 18:41

O MELHOR DO MUNDO EM AGOSTO

Compartilhe: Twitter

Quando pensei em registrar aqui no blog o melhor do mundo em cada mês do ano, não imaginava que alguns períodos pudessem impor tanta dificuldade para a escolha. Com Libertadores definida e uma data-Fifa que teve basicamente amistosos, valeram rodadas intermediárias do Brasileirão e o início de alguns dos principais campeonatos da Europa e da Champions League.

Nesse comecinho de temporada europeia, o Arsenal chamou a atenção, mas não houve um grande destaque individual. Messi iniciou 2009-2010 no Barcelona como terminou as últimas competição: vencendo. Ainda não fez cair o queixo como em meses anteriores, mas segue na liderança do ano.

Me atrevo, portanto, a escolher Diego como o grande destaque do futebol mundial no mês de agosto. O meia chegou à Juventus com grande expectativa e nem precisou apelar para a falta de entrosamento ou ao período de adaptação. Foi jogando bem logo de cara. E como já foi decisivo em um clássico fora de casa e com dois golaços (Roma 1×3 Juventus), Diego começa a reconstruir a sua estrada para disputar a Copa do Mundo do ano que vem, na África do Sul, pela seleção brasileira.

Autor: - Categoria(s): Brasileirão, Copa 2010, Copa Sul-americana, Futebol europeu, Seleção Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,
18/08/2009 - 18:20

SOBRE O CALENDÁRIO…

Compartilhe: Twitter

Muita gente importante do futebol brasileiro falou a respeito da mudança no calendário nas últimas semanas, quase todos a favor da proposta de adequação à temporada européia. A defesa está quase sempre presa à “cultura brasileira” de ter os campeonatos disputados dentro do mesmo ano, sem partidas durante as festas e o auge do verão. O único dos grandes campeonatos europeus que não para nas festas de fim de ano é o Inglês. É absolutamente normal parar por uns 20 dias para as comemorações.

O argumento mais forte, e que não pode ser desprezado, é o interesse da televisão. Tudo bem, você pode pensar: “a tv que se adapte e mude a programação”. Vale lembrar, no entanto, que as emissoras pagam boa parte da conta do nosso futebol e muitos clubes tiveram verbas antecipadas nos últimos anos, o que os enfraquece na hora da discussão.

A minha impressão é que, apesar de respeitar todas opiniões sobre o assunto, não vejo como a alteração não ser boa no longo prazo. Por um motivo muito simples: o produto (futebol brasileiro) será valorizado. Os clubes ficarão mais fortes com o planejamento prevendo apenas a janela de transferências do inverno europeu, que é pequena se comparada à passagem de uma temporada para outra. Também poderão faturar mais com excursões, por exemplo.

Mesmo com a Sul-americana no segundo semestre e a Libertadores no primeiro, o negócio é mexer logo nas datas e, principalmente, diminuir os estaduais.

 

Autor: - Categoria(s): Brasileirão, Copa do Brasil, Copa Sul-americana, Estaduais, Futebol europeu, Libertadores Tags: , , , , , , , , , ,
01/08/2009 - 10:26

O MELHOR DO MUNDO EM JULHO

Compartilhe: Twitter

O mês de julho já foi melhor de junho em termos de quantidade de jogos envolvendo os principais times e jogadores do mundo, mas amistosos e torneios de pré-temporada não costumam ser suficientes como parâmetros para definir quem está comendo a bola pelo mundo.

Por aqui, o Brasileirão mostrou alguns atletas inspirados como Diego Souza, do Palmeiras, Diego Tardelli, do Atlético-MG e da seleção, Kléber, do Cruzeiro, e Andrézinho, do Internacional.

Mas ninguém se comparou em julho a Juan Sebastián Verón. O meia argentino de 34 anos é um jogador que eu chamo de craque sem medo. Tem estilo próprio no jeito de bater na bola e organizar as jogadas. Parece lutar contra o tempo e a evolução do futebol ao cadenciar o jogo. Mas como questionar a capacidade de um armador e líder que levou o Estudiantes ao título da Libertadores?

Depois de fazer o time de coração voltar a ser campeão nacional, Verón foi decisivo na conquista da América e agora se prepara para conquistar de vez a confiança de Maradona e disputar a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Depois de ser um dos símbolos do fracasso argentino em 2002, ‘La Brujita’ pode ter mais uma chance de mudar o rumo da história.

Autor: - Categoria(s): Brasileirão, Copa 2010, Futebol europeu, Libertadores Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
20/07/2009 - 18:45

A VOLTA DOS CRAQUES E O ÍNDICE BIG MAC

Compartilhe: Twitter

Reproduzo com prazer o texto do especialista em marketing esportivo Ivan Rizzo, amigo que já pode ser considerado um colaborador deste blog. É sempre interessante entender um pouco de como a economia pode mexer com os nossos times.

Este ano ficamos felizes e surpresos com a volta de diversos craques ao futebol brasileiro. Adriano, Fred e Ronaldo encabeçam a lista que tende a engrossar.

Proximidade com a Copa da África ou saudades do feijão, as razões apontadas são diversas. Mas cabe um comentário do contexto econômico em que os jogadores se encaixam.

Criado pela revista americana ‘The Economist’, o índice ‘Big Mac’ utiliza-se do princípio da paridade do poder de compra. Como o famoso sanduíche é o mesmo ao redor do mundo, utilizando a mesma quantidade de matéria-prima, recursos humanos, energia, etc é considerado o melhor exemplo de comparação de preços em mercados diferentes.

Na última edição do índice, o Brasil ficou à frente dos EUA, com o sanduíche custando quarenta e cinco centavos de dólar a menos que o país inventor do sanduíche. Já na zona do euro, onde estão os principais mercados da bola, o mesmo sanduíche custa US$ 4,62.

Resumindo o economês: se os brazucas conseguem uma proposta salarial em reais equivalente ao que receberiam lá fora em euro, é financeiramente melhor vir para o Brasil. Claro que a análise não leva em conta fatores extra-campo que os jogadores sempre argumentam, como a violência urbana, o desejo de jogar nos principais clubes do mundo, mas é mais um bom exemplo que, com planejamento e gestão adequados, os clubes tem plenas condições de manter equipes competitivas e atraentes.

Autor: - Categoria(s): Brasileirão, Futebol europeu Tags: , , , , , , , , , , , , ,
30/06/2009 - 17:20

O MELHOR DO MUNDO EM JUNHO

Compartilhe: Twitter

Recebi ontem no Magazine Bandsports o meia Renato, do Sevilla, campeão da Copa das Confederações pela seleção em 2005. O ex-jogador do Santos e do Guarani falou com orgulho e carinho de Luis Fabiano, companheiro de time na Espanha. “Quando ele está bem, o time fica bem.”

A temporada espanhola não foi das melhores para o artilheiro. Uma lesão aqui, outra ali. Oito gols marcados no Campeonato Espanhol, o mesmo desempenho do meio-campista Renato. Quase o mesmo tanto que ele conseguiu fazer em cinco jogos da Copa das Confederações pela seleção. E mais um nesse período com a seleção na partida contra o Uruguai pelas eliminatórias, em Montevidéu.

Renato também contou que conversa sempre com o atacante para que ele mantenha a calma e não reclame com a arbitragem. Mais experiente, Luis Fabiano parece mesmo ter deixado no passado o comportamento explosivo que o atrapalhou em alguns momentos da carreira.

Em um mês sem as principais ligas européias e com muitos dos grandes jogadores do planeta em férias, Luis Fabiano foi o melhor do mundo em junho.

Autor: - Categoria(s): Futebol europeu, Seleção Tags: , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo