Publicidade

Publicidade

30/10/2009 - 17:08

HISTÓRIAS DAS COPAS 141

Compartilhe: Twitter

As regras do futebol mudaram para a nona edição dos mundiais de futebol, a Copa de 70, no México. Cada equipe passou a ter permissão para fazer duas substituições durante um jogo. Os árbitros também ganharam a prerrogativa dos cartões, o amarelo como advertência e o vermelho para expulsar o atleta de campo. Pela primeira vez desde 50, nenhum jogador foi expulso em todas as 32 partidas da Copa.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , ,
11/08/2009 - 13:24

HISTÓRIAS DAS COPAS 61

Compartilhe: Twitter

Depois de Almeida Rego na Copa de 30, no Uruguai, o Brasil passou dois mundiais sem representantes no apito. Na Copa do Mundo de 1950, disputada no Brasil, foram três árbitros do país. Mário Vianna comandou Espanha 3×1 EUA.  Alberto Malcher apitou Chile 5×2 EUA e Espanha 2×0 Chile, também pelo grupo 2. E Mário Gardelli foi um dos assistentes de Inglaterra 2×0 Chile.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo