Publicidade

Publicidade

26/11/2009 - 17:35

HISTÓRIAS DAS COPAS 168

Compartilhe: Twitter

Já com os apelidos de “Laranja Mecânica” e “Carrossel”, a Holanda entrou no grupo 1 da 2ª fase da Copa de 74, que também tinha Brasil, Alemanha Oriental e Argentina. A seleção contou com o talento de Rivellino para vencer os alemães por 1×0 e os argentinos por 2×1. Como os holandeses também venceram as duas partidas, o confronto Brasil x Holanda no estádio Westfallen, em Dortmund, no dia 3 de junho, valeria vaga na decisão do Mundial. Na outra chave, a Alemanha Ocidental superou Suécia e Iugoslávia e foi para a final ao derrotar a Polônia por 1×0, gol de Gerd Mueller.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , ,
20/11/2009 - 17:33

HISTÓRIAS DAS COPAS 162

Compartilhe: Twitter

As Alemanhas Ocidental e Oriental se classificaram no grupo 1 da Copa de 74, com os orientais em primeiro lugar. Na chave 2 da primeira fase, o Brasil avançou, mas ficou atrás da Iugoslávia. A Holanda dominou o grupo 3, que teve ainda a Suécia classificada entre os oito melhores. E, finalmente, no grupo 4, a Itália, vice-campeã em 70, foi eliminada pela Polônia, que ganhou a chave, e pela Argentina, que avançou por ter um gols a mais de saldo do que os italianos.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , ,
27/10/2009 - 16:25

HISTÓRIAS DAS COPAS 138

Compartilhe: Twitter

Quatro equipes que disputaram as quartas de final da Copa de 66 sequer conseguiram classificação para o Mundial de 70, no México. Na Europa, Portugal foi eliminado no grupo que tinha a Romênia e a campeã olímpica Hungria perdeu na classificação para a Tchecoslováquia. Na América do Sul, o Peru, do craque Cubillas, foi a surpresa ao garantir vaga e deixar a Argentina de fora. Já a Coreia do Norte não foi ao Mundial por se negar a jogar contra Israel.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , ,
25/10/2009 - 12:02

HISTÓRIAS DAS COPAS 136

Compartilhe: Twitter

Geoffrey Hurst iniciou a carreira como meio-campista pelo West Ham United, mas logo se tornou atacante. Foi chamado para a seleção inglesa pela primeira vez em 66, pouco antes da Copa, aos 24 anos de idade. Só ganhou a condição de titular contra a Argentina, nas quartas de final, quando fez o gol da vitória por 1×0. Na decisão, entrou para a história ao se tornar o primeiro e até agora único jogador a marcar três gols em uma final de Copa de Mundo na conquista inglesa.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , ,
21/10/2009 - 12:43

HISTÓRIAS DAS COPAS 132

Compartilhe: Twitter

A vitória da Inglaterra sobre a Argentina por 1×0 nas quartas de final da Copa de 66 foi tumultuada. Expulso ainda no 1º tempo, o capitão argentino Rattin ficou inconformado e levou oito minutos para deixar o gramado. Ao sair, sentou-se no tapete vermelho da tribuna real e desrespeitou a bandeira inglesa. Também foram para as semifinais a Alemanha, que goleou o Uruguai por 4×0, a União Soviética, que derrotou a Hungria por 2×1, e Portugal, que superou a surpreendente Coreia do Norte por 5×3.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , ,
19/10/2009 - 12:37

HISTÓRIAS DAS COPAS 130

Compartilhe: Twitter

O Brasil foi eliminado ainda na primeira fase da Copa de 66 no grupo 3, que teve Portugal e Hungria classificados para as quartas de final. Na chave 1, avançaram Inglaterra e Uruguai. Alemanha Ocidental e Argentina ficaram com as vagas no grupo 2. A União Soviética liderou a chave 4, que teve a surpreendente Coreia do Norte classificada em segundo lugar.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , ,
18/10/2009 - 16:51

HISTÓRIAS DAS COPAS 129

Compartilhe: Twitter

Alf Ramsey era defensor da seleção inglesa e participou da vergonhosa derrota para os EUA na primeira Copa disputada pelos ingleses, em 1950. Já como treinador, assumiu a Inglaterra em 63 com o objetivo de modernizar o futebol inglês. Centralizou as convocações, deu preferências a jogadores trabalhadores e obedientes e mudou o esquema 4-2-4 para o 4-4-2. Depois de classificar o time no grupo 1 da Copa de 66 contra Uruguai, México e França, Ramsey comandou o English Team em vitórias sobre a Argentina nas quartas de final, Portugal na semifinal e a Alemanha Ocidental na decisão.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , ,
30/09/2009 - 15:48

O MELHOR DO MUNDO EM SETEMBRO

Compartilhe: Twitter

O mês de setembro teve jogos decisivos das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010 e eles tiveram peso importante na análise dos melhores jogadores do planeta nesse período.

E foi exatamente por isso que Messi não faturou mais um mês. Considerando apenas o Barcelona, considero que ninguém jogou mais que o argentino. No entanto, o baixinho não fez diferença nos duelos contra Brasil e Paraguai que deixaram a Argentina com a classificação ameaçada para a Copa de 2010.

Bom desempenho tanto nos clubes como nas seleções premiaram os regulares Kaká, craque brasileiro do Real Madrid, e Xavi, craque espanhol do Barcelona. Os dois estarão no Mundial da África do Sul, no ano que vem, e têm tudo para brilhar ao longo da temporada nos seus poderosos clubes.

Mesmo mais distante do gol e dividindo holofotes no Real Madrid com Cristiano Ronaldo, que tem marcado mais gols, Kaká assumiu o papel de liderança e tem armado com talento e inteligência as jogadas ofensivas da equipe espanhola como faz na seleção.

Xavi alia grande capacidade física com categoria para fazer deslocamentos e passes precisos, oferecendo muita qualidade ao meio na Espanha e na seleção espanhola.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Futebol europeu Tags: , , , , , , , , , , , ,
27/09/2009 - 16:27

HISTÓRIAS DAS COPAS 108

Compartilhe: Twitter

O Chile superou a concorrência da Argentina para sediar a Copa do Mundo de 1962. Apesar da destruição provocada pelo maior terremoto do país no século XX dois anos antes do Mundial, quatro sedes foram preparadas para receber os jogos do torneio: o estádio Sausalito, de Viña Del Mar, o Carlos Dittborn, em Arica, o estádio Braden, em Rancagua, e o estádio Nacional de Santiago, capital chilena, que recebeu a decisão do evento.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , ,
24/09/2009 - 20:02

HISTÓRIAS DAS COPAS 105

Compartilhe: Twitter

A Argentina chegou à Copa do Mundo de 62, no Chile, com a sua força reduzida. O craque Alfredo Di Stefano, destaque do Real Madrid, vestiu a camisa da Espanha. Também argentino de nascimento, Omar Sivori defendeu a seleção da Itália. Os argentinos ainda viram o treinador Adolfo Pedernera comandar a Colômbia. Em campo, a equipe disputou o difícil grupo 4 e foi eliminada na primeira fase com vitória sobre a Bulgária, empate com a Hungria e derrota para a Inglaterra.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo