Publicidade

Publicidade

25/11/2009 - 18:12

HISTÓRIAS DAS COPAS 167

Compartilhe: Twitter

Depois de treinar Ajax e Barcelona, o técnico holandês Rinus Michels assumiu a seleção do país meses antes da Copa do Mundo de 74, na Alemanha Ocidental. O grupo superou um racha entre jogadores do Feyenoord e do Ajax para mostrar um conjunto inimaginável para uma equipe formada às vésperas do torneio. As ideias de diminuir os espaços do adversário com a linha de impedimento e de comprimir as linhas táticas para permitir trocas de posições e movimentação constante formataram o “futebol total” holandês. A seleção brilhou logo na primeira fase com vitórias sobre o Uruguai por 2×0 e sobre a Bulgária por 4×1, além do empate por 0x0 contra a Suécia.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , ,
24/11/2009 - 14:54

HISTÓRIAS DAS COPAS 166

Compartilhe: Twitter

Apesar de só ter participado da Copa do Mundo em 1938, a Holanda chegou ao Mundial de 74 com o prestígio obtido pelos clubes em competições continentais, com quatro títulos seguidos na Copa Europeia de Clubes Campeões: um do Feyenoord, em 70, e três do Ajax, em 71, 72 e 73. A seleção, no entanto, ainda não colecionava bons resultados e não tinha o reconhecimento dos torcedores holandeses.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , ,
22/11/2009 - 17:40

HISTÓRIAS DAS COPAS 164

Compartilhe: Twitter

O Brasil teve um começo difícil na Copa do Mundo, de 74, na Alemanha Ocidental. O técnico Zagallo escalou Leão, Nelinho, Luiz Pereira, Marinho Peres e Marinho Chagas; Piazza, Rivellino e Paulo César Caju; Valdomiro, Jairzinho e Leivinha para o empate por 0x0 contra a Iugoslávia, em Frankfurt. Cinco dias depois, com Mirandinha no lugar de Valdomiro, a seleção empatou de novo e não conseguiu marcar: 0x0 com a Escócia.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,
21/11/2009 - 17:35

HISTÓRIAS DAS COPAS 163

Compartilhe: Twitter

A seleção brasileira que o técnico Zagallo levou para a disputa da Copa do Mundo de 74, na Alemanha Ocidental, tinha seis jogadores do Palmeiras, bicampeão brasileiro em 72 e 73: Leão, Luiz Pereira, Alfredo, Leivinha, César e Ademir da Guia. Apenas quatro jogadores que foram destaques na conquista da Copa de 70, no México, estiveram no grupo: Piazza, Jarizinho, Rivellino e Paulo César Caju.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , ,
19/11/2009 - 17:31

HISTÓRIAS DAS COPAS 161

Compartilhe: Twitter

Diante da torcida, a Alemanha Ocidental teve um início ruim na Copa do Mundo de 74, apesar de vitórias sobre o Chile por 1×0 e a Austrália por 3×0. Já classificada para a 2ª fase no grupo 1, a equipe perdeu para a Alemanha Oriental por 1×0, em Hamburgo, no que teria sido uma derrota proposital para que os alemães ocidentais evitassem o confronto contra a Holanda, que era a grande sensação da primeira fase, antes da decisão.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , ,
18/11/2009 - 18:32

HISTÓRIAS DAS COPAS 160

Compartilhe: Twitter

A Copa do Mundo de 74 marcou uma mudança no formato de disputa da competição. O torneio, organizado na Alemanha Ocidental, teria as mesmas 16 seleções das edições anteriores e a mesma divisão de quatro grupos com quatro equipes. Já na fase final, os confrontos eliminatórios foram substituídos por duas novas chaves, que indicariam as finalistas e os times que disputariam o terceiro lugar. Com o novo sistema de disputa, a Escócia terminou o Mundial com a única equipe que não perdeu: com uma vitória e dois empates, a equipe foi eliminada por um gol de diferença no saldo em relação ao Brasil.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , ,
16/11/2009 - 19:21

HISTÓRIAS DAS COPAS 158

Compartilhe: Twitter

Com o país dividido pela Guerra Fria entre o lado capitalista que apoiava os EUA e os comunistas que estavam ao lado da União Soviética, a Alemanha recebem a Copa do Mundo apenas na parte Ocidental. Nove cidades foram escolhidas para receber os jogos: Berlim Ocidental, Hamburgo, Frankfurt, Dortmund, Gelsenkirchen, Dusseldorf, Hannover, Sttutgart e Munique, que foi palco da decisão. Aliás, foi a primeira vez na história que a final não disputada na capital do país, que era a pequena Bonn, na Alemanha Ocidental.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,
15/11/2009 - 17:18

HISTÓRIAS DAS COPAS 157

Compartilhe: Twitter

Antes de encantar o mundo e se tornar a sensação da Copa do Mundo de 74, a Holanda sofreu para se classificar na Europa. A disputa foi justamente contra a vizinha e rival Bélgica. As duas seleções terminaram com a mesma pontuação e os holandeses precisaram de um jogo-desempate para garantir a vaga. As surpresas das eliminatórias foram o Haiti, que deixou o México para trás, o Zaire, que superou maratona de quase 50 jogos na África para jogar o Mundial, e a Austrália, que debutou em copas depois de eliminar a Coreia do Sul na repescagem Ásia/Oceania.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
08/11/2009 - 20:40

PET, LOVE E O FUTEBOL

Compartilhe: Twitter

Analisar o futebol é, muitas vezes, tentar adivinhar o que vai acontecer. Serve para uma rodada, um campeonato inteiro ou até o que pode ser de uma contratação.

Em meio à disputa do Brasileirão, o Palmeiras fez o que muitos clubes queriam. Contratou o artilheiro Vágner Love, que viria ao Brasil louco para mostrar serviço a Dunga e jogar a Copa do Mundo.

Enquanto isso, o Flamengo fez um acerto mais contábil do que futebolístico com o veterano sérvio Petkovic, que não jogava bem há algum tempo.

O que aconteceu foi, basicamente, o contrário do que todos imaginavam.

Decepções – Inter e Goiás fazem campanhas terríveis no 2o turno. São as grandes decepções da segunda parte do Brasileirão.

Rebaixamento – Flu pode escapar por causa dos jogos difíceis que Botafogo e Coritiba ainda têm pela frente. O Coxa recebe Atlético-MG e Fluminense e visita Santos e Cruzeiro, enquanto o Bota vai encarar São Paulo e Palmeiras no Rio e Barueri e Atlético-PR fora de casa.

Autor: - Categoria(s): Brasileirão Tags: , , , , , , , , , , , , ,
07/11/2009 - 15:52

HISTÓRIAS DAS COPAS 149

Compartilhe: Twitter

Rivellino foi poupado no último jogo da primeira fase pelo grupo 3 contra a Romênia. Com isso, Fontana entrou na zaga, Piazza foi deslocado para o meio e Paulo César Caju avançou para a armação de jogadas. Dois gols de Pelé e um de Jairzinho garantiram a vitória brasileira por 3×2 e a classificação da seleção em primeiro lugar na chave para as quartas de final da Copa do Mundo de 70, no México.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , ,
Voltar ao topo