Publicidade

Publicidade

30/06/2009 - 17:20

O MELHOR DO MUNDO EM JUNHO

Compartilhe: Twitter

Recebi ontem no Magazine Bandsports o meia Renato, do Sevilla, campeão da Copa das Confederações pela seleção em 2005. O ex-jogador do Santos e do Guarani falou com orgulho e carinho de Luis Fabiano, companheiro de time na Espanha. “Quando ele está bem, o time fica bem.”

A temporada espanhola não foi das melhores para o artilheiro. Uma lesão aqui, outra ali. Oito gols marcados no Campeonato Espanhol, o mesmo desempenho do meio-campista Renato. Quase o mesmo tanto que ele conseguiu fazer em cinco jogos da Copa das Confederações pela seleção. E mais um nesse período com a seleção na partida contra o Uruguai pelas eliminatórias, em Montevidéu.

Renato também contou que conversa sempre com o atacante para que ele mantenha a calma e não reclame com a arbitragem. Mais experiente, Luis Fabiano parece mesmo ter deixado no passado o comportamento explosivo que o atrapalhou em alguns momentos da carreira.

Em um mês sem as principais ligas européias e com muitos dos grandes jogadores do planeta em férias, Luis Fabiano foi o melhor do mundo em junho.

Autor: - Categoria(s): Futebol europeu, Seleção Tags: , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo