Publicidade

Publicidade

17/11/2009 - 14:24

QUASE NADA…

Compartilhe: Twitter

Michel Bastos na lateral-esquerda, Thiago Silva na zaga, Hulk no ataque…

Foi uma pena, mas os amistosos contra Inglaterra e Omã quase não serviram para avaliação de jogadores que podem entrar na lista de convocados para a Copa do Mundo.

Essa era a ideia do técnico Dunga. Mas a fragilidade dos adversários, em função dos desfalques ingleses e de Omã ser só Omã, fizeram com que os jogos fossem apenas mornos.

O interessante foi ver que o Brasil de Dunga leva todo jogo a sério e mantém um aproveitamento incrível.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Seleção Tags: , , , , , ,
14/11/2009 - 15:16

HISTÓRIAS DAS COPAS 156

Compartilhe: Twitter

As eliminatórias para a Copa de 74 tiveram números impressionantes com 99 seleções participantes e mais de 200 jogos classificatórios. Alguns gigantes europeus ficaram fora do Mundial. A Inglaterra parou nas mãos do goleiro Tomaszweski, que segurou o empate em Wembley e garantiu a vaga para a Polônia. A União Soviética se recusou a viajar para Santiago por razões políticas e deu a classificação direta para o Chile.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , ,
08/11/2009 - 11:08

HISTÓRIAS DAS COPAS 150

Compartilhe: Twitter

Gérson e Rivellino voltaram à escalação da seleção brasileira para o jogo que valia vaga nas semifinais da Copa de 70, no México, contra o Peru, surpresa do Mundial comandada pelo craque Cubillas e treinada pelo brasileiro Didi. Rivellino abriu o placar, Tostão marcou duas vezes e Jairzinho completou o placar de 4×2 da vitória brasileira. Ainda pelas quartas de final, a Alemanha Ocidental precisou de prorrogação para eliminar a Inglaterra, a Itália goleou o México por 4×1 e o Uruguai superou a União Soviética no tempo extra.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,
06/11/2009 - 13:51

HISTÓRIAS DAS COPAS 148

Compartilhe: Twitter

Com a entrada de Paulo César Caju no lugar de Gérson, que estava machucado, o Brasil enfrentou a Inglaterra pela 2ª rodada da 1ª fase da Copa de 70, num encontro entre os dois últimos campeões do mundo. No começo do jogo, aos 10 minutos, o goleiro inglês Gordon Banks evitou gol de cabeça de Pelé na maior defesa de todos os tempos na história das copas. A partida equilibrada foi decidida aos 14 minutos do segundo tempo, depois de grande jogada de Tostão, passe de Pelé e o gol de Jairzinho para garantir a vitória brasileira por 1×0.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , ,
02/11/2009 - 12:23

HISTÓRIAS DAS COPAS 144

Compartilhe: Twitter

As 16 seleções classificadas para a Copa do Mundo do México, em 70, foram divididas em quatro grupos na primeira fase. União Soviética e México avançaram no grupo 1, Itália e Uruguai passaram na chave 2, Brasil e Inglaterra conseguiram classificação no grupo 3 e na chave 4, Alemanha Ocidental e Peru garantiram as primeiras posições e vagas nas quartas de final do torneio.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , ,
28/10/2009 - 12:27

HISTÓRIAS DAS COPAS 139

Compartilhe: Twitter

A Copa do Mundo de 70 foi a primeira com jogos eliminatórios em todo o planeta. No total, foram 170 partidas entre 68 equipes, aumento de um terço no total de participantes em relação ao mundial anterior, na Inglaterra. A classificação teve um episódio triste na América Central, quando o jogo entre Honduras e El Salvador deflagrou um conflito de três dias entre as duas nações que já não viviam relações amistosas nos meses anteriores. El Salvador garantiu vaga para a Copa.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , ,
27/10/2009 - 17:42

NOVOS LATERAIS

Compartilhe: Twitter

O técnico Dunga deixou clara a dúvida com relação à lateral-esquerda para a Copa do Mundo na convocação para os amistosos contra Inglaterra e Omã. Nem André Santos, que mais frequentou o time titular nos últimos jogos, aparece entre os convocados.

Filipe Luís e Marcelo, outras opções recentes do treinador, também não aparecem na relação desta terça. Desta vez, o treinador preferiu testar Fábio Aurélio, do Liverpool, e Michel Bastos, do Lyon.

Fábio era um pedido de muita gente em função da boa fase na Inglaterra e de ser o melhor lateral brasileiro na parte defensiva.

Michel Bastos é um ala, com ótimo aproveitamento ofensivo e fragilidade na marcação. Pode ser uma opção caso Dunga resolva alterar um pouco o esquema, o que não parece o caso.

Outra boa alternativa é contar com o meia Alex, que jogou no Inter e está no Spartak Moscou, como um reserva para a lateral ou para a ala pela esquerda e abrir uma vaga para um jogador de outra posição para o Mundial da África do Sul.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Seleção Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,
24/10/2009 - 17:00

HISTÓRIAS DAS COPAS 135

Compartilhe: Twitter

A decisão da Copa do Mundo de 66 teve um roteiro épico. A Inglaterra tentava em casa o seu primeiro título mundial e a Alemanha Ocidental lutava pelo bicampeonato. O alemão Haller deixou em silêncio os mais de 90 mil torcedores que lotavam o estádio de Wembley ao abrir o placar aos 12 minutos. Com Hurst e Peters, os ingleses viraram o jogo e comemoram até os 44 minutos do segundo tempo, quando Haller marcou de novo e decretou o empate por 2×2 no tempo normal. Na prorrogação, Hurst marcou mais duas vezes para garantir a vitória inglesa, mas em um dos gols a bola bateu no travessão e não ultrapassou a linha de fundo, num dos grandes erros de arbitragem na história do futebol.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , ,
23/10/2009 - 14:44

HISTÓRIAS DAS COPAS 134

Compartilhe: Twitter

O craque português Eusébio se recuperou rápido da derrota na semifinal da Copa de 66 para a Inglaterra. Dois dias depois, ele voltou a marcar e ajudou Portugal a vencer a União Soviética, em Wembley, por 2×1, resultado que deu aos portugueses um inédito terceiro lugar em mundiais. Em seis jogos disputados no torneio, Eusébio alcançou a incrível marca de nove gols marcados. Nascido em Moçambique, antiga colônia portuguesa na África, Eusébio brilhou também com a camisa do Benfica, com 1 título europeu e 11 nacionais.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , ,
22/10/2009 - 13:07

HISTÓRIAS DAS COPAS 133

Compartilhe: Twitter

A Inglaterra chegou pela primeira vez a uma final da Copa do Mundo ao vencer a seleção de Portugal, do craque Eusébio, por 2×1, com dois gols do artilheiro Bobby Charlton, diante de quase 100 mil pessoas no estádio de Wembley, em Londres. O adversário na decisão seria a Alemanha Ocidental, que superou a União Soviética do goleiro Yashin com gols de Haller e Beckenbauer, em Liverpool.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo