Publicidade

Publicidade

04/11/2009 - 17:31

HISTÓRIAS DAS COPAS 146

Compartilhe: Twitter

Com bom desempenho em amistosos, João Saldanha comandou o Brasil em uma campanha tranquila nas eliminatórias, incluindo uma vitória sobre o Paraguai por 1×0 com recorde oficial de público no Maracanã, com 183.341 pagantes. A caminho do Mundial, tropeços contra Atlético-MG e Bangu determinaram a queda do treinador. Houve quem suspeitasse de interferência política e problemas de relacionamento com a comissão técnica. Depois de receber negativas de Dino Sani e Otto Glória, a CBD apostou em Mário Jorge Lobo Zagallo, bicampeão como jogador, que vinha de um bom trabalho como técnico do Botafogo e já tinha treinado a seleção em amistosos.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , ,
11/10/2009 - 21:13

UM POUCO DE CADA COISA

Compartilhe: Twitter

Altitude, falta de entrosamento, nervosismo, desatenção em lances isolados de bola parada e até mesmo o mérito dos bolivianos.

Junto uma porção de cada um dos ingredientes acima e você vai entender a derrota do Brasil para a Bolívia por 2×1 pela penúltima rodada das eliminatórias.

Deve ser difícil mostrar serviço quase quatro mil metros acima do nível do mar, mas era de se esperar mais de jogadores que precisavam mostrar serviço como Miranda, André Santos e principalmente os meias Diego Souza e Alex.

Entre os atacantes, Nilmar foi destaque, Adriano foi atrapalhado por contusão e Diego Tardelli não decepcionou.

O aproveitamento de Daniel Alves no meio foi apenas regular, mas a avaliação não compromete a participação do jogador no grupo, já que ele é o reserva para a lateral-direita e pode atuar também pelo lado esquerdo.

MAIS DA METADE – Já temos mais da metade da Copa definida com 19 seleções classificadas. Além da África do Sul, dona da casa, o continente africano já tem Gana e Costa do Marfim no Mundial. Da América do Sul, avançaram Brasil, Paraguai e Chile.

Os asiáticos garantidos são Japão, Austrália, Coreia do Sul e Coreia do Norte. Da região da Concacaf, conquistaram vagas os EUA e o México. E da Europa, já avançaram Itália, Alemanha, Sérvia, Dinamarca, Inglaterra, Espanha e Holanda.

Restam 13 vagas: três da África, uma da Concacaf, uma da América do Sul, seis da Europa (duas diretas e quatro na repescagem), uma da repescagem Ásia / Oceania e uma da repescagem América do Sul / Concacaf.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Seleção Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
30/09/2009 - 15:48

O MELHOR DO MUNDO EM SETEMBRO

Compartilhe: Twitter

O mês de setembro teve jogos decisivos das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010 e eles tiveram peso importante na análise dos melhores jogadores do planeta nesse período.

E foi exatamente por isso que Messi não faturou mais um mês. Considerando apenas o Barcelona, considero que ninguém jogou mais que o argentino. No entanto, o baixinho não fez diferença nos duelos contra Brasil e Paraguai que deixaram a Argentina com a classificação ameaçada para a Copa de 2010.

Bom desempenho tanto nos clubes como nas seleções premiaram os regulares Kaká, craque brasileiro do Real Madrid, e Xavi, craque espanhol do Barcelona. Os dois estarão no Mundial da África do Sul, no ano que vem, e têm tudo para brilhar ao longo da temporada nos seus poderosos clubes.

Mesmo mais distante do gol e dividindo holofotes no Real Madrid com Cristiano Ronaldo, que tem marcado mais gols, Kaká assumiu o papel de liderança e tem armado com talento e inteligência as jogadas ofensivas da equipe espanhola como faz na seleção.

Xavi alia grande capacidade física com categoria para fazer deslocamentos e passes precisos, oferecendo muita qualidade ao meio na Espanha e na seleção espanhola.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Futebol europeu Tags: , , , , , , , , , , , ,
29/09/2009 - 18:04

HISTÓRIAS DAS COPAS 110

Compartilhe: Twitter

A seleção brasileira se reuniu menos de dois meses antes da Copa do Mundo de 62, no Chile, para a preparação. Além de amistosos contra Paraguai, Portugal e País de Gales, o grupo fez períodos de treinos em Campos do Jordão e Serra Negra, em São Paulo, e Nova Friburgo, no estado do Rio. Na estreia no Mundial, nove titulares da final de 58 estiveram em campo ao lado da nova dupla de zaga Mauro e Zózimo. Com gols de Zagallo e Pelé, o Brasil passou sem dificuldades pelo México ao vencer por 2×0.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,
01/09/2009 - 16:44

HISTÓRIAS DAS COPAS 82

Compartilhe: Twitter

Além da classificação do Brasil, as eliminatórias da América do Sul para a Copa de 58, na Suécia, tiveram a surpreendente derrota do Uruguai por 5×0 para o Paraguai, que ficou com uma vaga. O outro time do continente no Mundial foi a Argentina, que se classificou com o time campeão da Copa América de 57, mas perdeu jogadores importantes como Maschio, Angelilo e Sivori, que foram negociados com clubes italianos e não puderam disputar o torneio.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , ,
06/08/2009 - 17:56

HISTÓRIAS DAS COPAS 56

Compartilhe: Twitter

Doze anos depois do bicampeonato mundial, a Itália sofreu para mandar o seu time para a Copa do Mundo de 50, no Brasil. A tragédia de Superga, acidente aéreo nos arredores de Turim que matou todo o time do Torino, o melhor do país, desmontou a seleção nacional. A equipe perdeu logo na estreia contra a Suécia por 3×2, no estádio do Pacaembu, em São Paulo. A vitória contra o Paraguai por 2×0 não foi suficiente para classificar os italianos, que ficaram um ponto atrás dos suecos no grupo 3 e foram eliminados.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , ,
29/07/2009 - 15:24

HISTÓRIAS DAS COPAS 48

Compartilhe: Twitter

A Copa do Mundo de 50, no Brasil, teve 13 seleções participantes e uma estranha divisão de chaves que substitui o sistema eliminatório das edições anteriores. No grupo 1, o Brasil superou México, Iugoslávia e Suíça. A Espanha eliminou Inglaterra, Chile e EUA na chave 2. A Suécia teve de passar por Itália e Paraguai no grupo 3. E o Uruguai fez apenas um jogo contra a Bolívia para avançar na chave 4. Os campeões de grupos se classificaram para a fase decisiva com jogos entre todas as equipes.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,
28/06/2009 - 11:50

HISTÓRIAS DAS COPAS 17

Compartilhe: Twitter

A recusa do Uruguai, campeão do mundo, por causa da fraca participação européia em 30 e as desistências de Bolívia e Paraguai abriram caminho para que Brasil e Argentina fossem os únicos participantes sul-americanos da Copa de 34, na Itália. Além de europeus e americanos, o Mundial teve também a participação africana pela primeira vez com a seleção do Egito, comandada pelo escocês James McRea.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010, Histórias das Copas Tags: , , , , , , , ,
16/06/2009 - 11:34

HISTÓRIAS DAS COPAS 5

Compartilhe: Twitter

As 13 seleções que enfrentaram o frio nas longas viagens de navio participaram já em território uruguaio do
sorteio das chaves da primeira Copa do Mundo. Não foram disputadas partidas eliminatórias e todas as equipes foram convidadas pela Fifa. Apenas quatro times europeus estiveram na disputa: Romênia, França, Bélgica e Iugoslávia. A Copa teve ainda presenças dos EUA e do México, além de sete seleções sul-americanas: Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai, Peru e o Uruguai, dono da casa.

Autor: - Categoria(s): Copa 2010 Tags: , , , , , , , , , , , , ,
21/05/2009 - 17:11

CBF vs CBF

Compartilhe: Twitter

Existe no Brasil uma entidade chamada CBF, que controla a seleção brasileira e tem Dunga como técnico. Para os jogos importantes contra o Uruguai e o Paraguai pelas eliminatórias e a para a Copa das Confederações, o treinador chamou cinco jogadores que atuam no Brasil: Victor (goleiro do Grêmio), Kléber (lateral do Inter), André Santos (lateral do Corinthians), Ramires (meia do Cruzeiro) e Nilmar (atacante do inter). Para Dunga, a lista tem o melhor time possível, afinal amistoso é amistoso e competição é competição.

Ouça Dunga justificando desfalques nos times brasileiros

No mesmo Brasil parece haver outra entidade, totalmente diferente da primeira, curiosamente também chamada CBF, que organiza a Copa do Brasil. Enquanto a seleção estiver reunida, entre o dia 01/06 e 28/06, serão disputadas os jogos de volta das semifinais e a primeira final da competição nacional.

Tão confusa quanto a CBF só a Conmebol, que tem no período a rodada de volta das quartas de final da Libertadores e a primeira parte das semifinais. É a imposição do calendário europeu. Não vai dar para fugir. É apenas questão de tempo.

Autor: - Categoria(s): Libertadores, Seleção Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo